• O caldo de ossos é altamente nutritivo. Tomando uma caneca de caldo ao dia você irá melhorar seu sistema digestivo, sistema imunológico, ajudar a musculatura e reduzir dores articulares e inflamações no seu corpo. É capaz de até aumentar a sua longevidade.

  • Além disso, terá uma dose de colágeno muito boa para seus tendões, ossos e principalmente articulações! Tem mais colágeno que qualquer suplemento encontrado no mercado.
  • Mineralmente é rico em magnésio, cálcio e fósforo (mais que o leite) em uma forma que é facilmente absorvida pelo corpo. Também são ricos nos aminoácidos glicina e prolina, que não estão tão presentes na carne.
  • O caldo de ossos é extremamente barato e fácil de fazer em casa. Pode ser feito de gado, aves, porco e peixes.
  • O caldo de ossos pode ser pensado como um suplemento de proteínas e minerais natural, ou seja, na forma que nosso corpo consegue absorver.
  • Os ingredientes que são extraídos a partir do caldo são glicina e prolina (colágeno / gelatina), cálcio, magnésio e fósforo (minerais), ácido hialurônico e sulfato de condroitina e glicosamina(GAGs), e outros minerais, aminoácidos e GAGs, em quantidades menores.

Benefícios do caldo

A principal recomendação que faço do caldo é para auxiliar no tratamento do desgaste das cartilagens, porém esse é apenas um dos benefícios.

O caldo irá ajudar a "apoiar e reforçar" a função do tecido conjuntivo ( todos os tecidos que tem colágeno como tendões, cartilagem, pele, ossos). Para "apoiar e proteger" a função do osso. Para atuar como um "amortecedor e reduzir o atrito", que é a função da cartilagem. Para ser "flexível e forte", a função de colágeno. Para "segurar os tecidos" e "mantê-lo juntos", também a função do colágeno


Ossos com a parte da articulação são os melhores, como a paleta e o pernil no gado e porco. No caso da galinha, os pés e pescoço são as melhores partes, mas pode se usar toda carcaça. No caso de peixes, a cabeça é especialmente boa!